Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A estocada do MDB nos bolsonaristas

Marcelo de Moraes

Em busca da consolidação de sua posição de independência em relação ao futuro governo, o MDB cobrou mais atenção dos próximos dirigentes do País à votação do Orçamento da União. Sem fazer referências diretas ao governo de Jair Bolsonaro, a conta oficial do partido publicou hoje comentários criticando os debates de “assuntos inócuos e mudanças de costumes, convites e desconvites”, lembrando que esses atos “não resolvem nossa questão orçamentária e nem geram mais investimentos e emprego”.

Nos últimos dias, Jair Bolsonaro e seus aliados declararam que estavam retirando o convite enviado aos governos da Venezuela e de Cuba para a posse presidencial. Além disso, políticos bolsonaristas também têm defendido constantemente agendas de costumes. Para o MDB, esse foco não é o correto. “Devemos nos ater ao que realmente importa para o Brasil: controle de gastos, equilíbrio das contas e gestão eficiente”, acrescenta o texto publicado na conta oficial do partido. /M.M.

Tudo o que sabemos sobre:

MDBBolsonaro