Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A estratégia Bolsonaro

Equipe BR Político

Em artigo na Folha neste domingo, 4, o colunista Elio Gaspari afirma que sim, esse “jeitão” do presidente Jair Bolsonaro é, sim, uma estratégia política. Essa semana, Bolsonaro afirmou em entrevista ao Globo que “sou assim mesmo, não tem estratégia”. na avaliação do colunista, no entanto, há um script que tem se mostrado pra lá de bem-sucedido, desde sua época como deputado federal. O colunista usa declarações que escancaram o estilo inflamado e provocador do chefe do Executivo e mostra o que ele pode estar querendo esconder atrás de cada uma dessas cortinas de fumaça. A começar pela mais recente, que se refere ao desaparecimento de Fernando Santa Cruz, pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz. Se Bolsonaro não tivesse feito esse assunto tomar o noticiário, talvez houvesse mais gente falando dos 12 milhões de desempregados, dado que o IBGE mostrou na mesma semana. “Essa é a parte do comportamento do atual presidente que pode ser chamada de estratégica. A outra é a sua maneira de ser, e nela há dois componentes. Numa estão suas opiniões, que, como as de todo mundo, podem mudar. Noutra estão os seus próprios fatos, que são só dele”, escreveu o colunista.

Notícias relacionadas

Tudo o que sabemos sobre:

Jair Bolsonaroestratégia