Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘A gente estava lavando a roupa suja’

Vera Magalhães

Eduardo Bolsonaro minimizou o impacto da disputa interna na bancada do PSL para a governabilidade do futuro governo Jair Bolsonaro. Ao comentar a briga entre parlamentares, inclusive ele próprio, que discutiu com a deputada eleita Joice Hasselmann por WhatsApp, o filho de Bolsonaro disse neste sábado em Foz do Iguaçu: “As discussões internas são até saudáveis. Qual partido que pensa 100% igual? Isso não existe. O que ocorreu foi o vazamento de um grupo de WhatsApp em que a gente estava lavando roupa suja. Mas não vejo isso como prejudicial para a governabilidade de Jair Bolsonaro, não”, afirmou, como relata o Estadão.

Mais cedo, Bolsonaro deu uma declaração em que apontava esse risco: “Se começarmos desunidos, fica difícil a gente conseguir maioria no parlamento para aprovar aquilo que interessa ao Brasil”, disse.

Notícias relacionadas