Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A ‘infelicidade’ de Marco Aurélio

Equipe BR Político

O ministro do STF Marco Aurélio Mello disse que “infelizmente” não pode decidir sozinho sobre a condenação após prisão em segunda instância, em resposta ao pedido do PC do B para que ele concedesse liminar para barrar esse tipo de prisão.

Matéria do Broadcast lembra que o ministro já liberou para o julgamento o mérito de duas ações sobre o assunto, que ainda não foram pautadas pela presidente Cármen Lúcia.