Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A Opinião do Estadão: Esperança em meio mandato

Equipe BR Político

“Sobrará meio mandato ao presidente Jair Bolsonaro para exibir um país com alguma animação econômica, se os fatos confirmarem as projeções de dois órgãos federais – o Banco Central (BC) e o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) – e do mercado financeiro. Por esses cálculos, este ano e o próximo, os dois primeiros do atual governo, serão lembrados entre os piores da história brasileira. Neste momento, até uma expansão de 1% em 2019 é uma raridade nos cenários prospectivos. O caso do BC é um claro exemplo, como confirma seu Relatório de Inflação, publicado trimestralmente. Numa aparente demonstração de otimismo, seus técnicos elevaram de 0,8% para 0,9% a estimativa de aumento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019. Mas o impulso deve ser muito fraco. O avanço previsto para 2020, no mesmo exercício de projeção, é de apenas 1,8%”, diz trecho de editorial do Estadão desta segunda-feira, 30.

Tudo o que sabemos sobre:

Editorial Estadão