Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A Opinião do Estadão: Lideranças no Legislativo

Equipe BR Político

“Não é de hoje o diagnóstico indicando a falta de lideranças na vida pública nacional. É um problema que vem de longa data – costuma-se associar o esmorecimento da participação e do protagonismo das lideranças civis nos rumos do País ao golpe militar de 1964 – e acarreta consequências nefastas para a sociedade em muitas áreas.

Sérgio Abranches, cientista político e sociólogo

Sérgio Abranches, cientista político e sociólogo. Foto: Wilton Junior/Estadão

Em entrevista ao Estado, o sociólogo e cientista político Sérgio Abranches notou, por exemplo, que “está vazia uma centro-esquerda e até um centro mais moderado, com uma visão mais social, um posicionamento contemporâneo, reformista, que tenha consciência da crise do emprego, dessa nova economia, que entenda que a globalização é inevitável e que o mundo hoje é mais cosmopolita. Há uma demanda para lideranças progressistas que pensem saídas para a frente, e não saídas para trás”. No campo político, a falta de lideranças deixa vazios importantes espaços de representação e de negociação, o que traz dificuldades adicionais no enfrentamento dos problemas nacionais.”

Diz trecho de editorial do Estadão deste domingo, 8.

Tudo o que sabemos sobre:

editorialEstadãoPoder Legislativo