Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A Opinião do Estadão: O método

Equipe BR Político

“Durante evento promovido pelo Estado e pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getúlio Vargas (FGV) sobre as perspectivas econômicas para o País, o cientista político Fernando Limongi afirmou que o governo federal é “ineficiente” na relação com o Congresso Nacional.

No painel Presidencialismo à Bolsonaro, o professor da Escola de Economia da FGV apontou que, das 11 primeiras Medidas Provisórias (MPs) editadas pelo governo Bolsonaro, 7 perderam a eficácia por não terem sido votadas em tempo hábil. “O governo tem um certo desinteresse pelas próprias propostas que envia ao Legislativo”, disse Limongi.”

Diz trecho de editorial do Estadão desta terça-feira, 17.

Tudo o que sabemos sobre:

IbreFernando Limongi