Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A ‘reparação’ da nora de Lula ao Sesi

José Fucs

Mais um integrante da família de Lula caiu na “malha fina”. Agora, foi a vez de Marlene Araújo Lula da Silva, nora do ex-presidente, e do ex-sindicalista Jair Meneguelli, que comandou o Sesi. Segundo a coluna Expresso, da revista Época, eles foram condenados pelo Tribunal de Contas da União (TCU) a devolver R$ 173 mil à entidade.

As investigações do TCU apontaram que Marlene, casada com Sandro Luís, filho de Lula, era “funcionária fantasma” do Sesi. Como Meneguelli foi responsável por sua contratação, é considerado “solidário” na dívida. Os dois receberam prazo de 15 dias para comprovar o repasse do dinheiro ao Sesi. / J.F.

Tudo o que sabemos sobre:

LulaTCUMeneguelliSesi