Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

A vez das contas eleitorais de Flávio

Equipe BR Político

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro, segue sob investigação. Agora, o Ministério Público do Rio faz um pente-fino nas contas eleitorais do senador para saber se o dinheiro arrecadado por Fabrício Queiroz com outros assessores do antigo gabinete dele na Alerj foi usado nas campanhas políticas de Flávio.

Doações recebidas diretamente e via partidos e despesas contratadas, como de gráficas, pessoal e locação de veículos, são investigadas desde o fim de março pelo Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc) no âmbito do inquérito que apura supostos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa por meio do desvio de salário de assessores no gabinete de Flávio na Alerj, segundo o Estadão.

Tudo o que sabemos sobre:

Flávio BolsonaroFabrício QueirozMP-RJ