Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Abin propôs monitorar usuários da internet

Equipe BR Político

A Abin (Agência Brasileira de Inteligência) propôs ao grupo de trabalho do TSE criado para combater fake news, a possibilidade de se fazer um monitoramento de usuários da internet, preventivamente e sem autorização judicial.

A proposta, conforme relata o Estadão, chegou a ser enviada por escrito ao presidente do TSE, Luiz Fux, e foi lida em reunião do grupo na segunda-feira. Ela foi rechaçada por integrantes do grupo, por violar direitos e garantias individuais, que ficaram de propor outras saídas.

Tudo o que sabemos sobre:

Internetfake newsAbinTSE