Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ação coletiva contra a Vale nos EUA

Equipe BR Político

Dois escritórios de advocacia nos Estados Unidos, The Schall Law Firm e Rosen Law Firm, anunciaram nesta segunda, 28, que pretendem entrar com uma ação coletiva na Justiça americana contra a Vale para recuperar perdas causadas por investidores com o rompimento da barragem da mineradora em Brumadinho (MG), na sexta, 25.

O The Schall afirma que apura se a empresa soltou “informações falsas e enganosas” aos investidores, que omitiam os riscos com a barragem e, por isso, burlam as regras do mercado acionário dos EUA. O escritório ressalta que o American Depositary Receipt (ADR) da empresa listado na Bolsa de Valores de Nova York despencou após a notícias do desastre, caindo 8% na sexta e 16% na tarde de hoje. No Brasil, a Comissão de Valores Mobiliários abriu um processo administrativo para apurar a qualidade da divulgação de informações conduzida pela Vale.

Tudo o que sabemos sobre:

ValeBrumadinhoEUA