Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Aéreas de baixo custo podem já estar de saída?

Equipe BR Político

Mal chegaram ao País, as companhias aéreas de baixo custo, as chamadas “low cost”, podem já estar de saída. Apesar dos incentivos do governo federal, incluindo a abertura do setor para capital estrangeiro, os custos de manter uma operação no Brasil são apontados como um entrave, segundo reportagem do Estadão. “É muito difícil operar no Brasil. O custo é grande. Temos uma judicialização forte para todo o setor. Além disso, um dos combustíveis de aviação mais caros do mundo”, disse o diretor-geral da Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês), Dany Oliveira. Assim, além da possibilidade de que as operações internacionais em vigor seja reduzidas, não há perspectiva de nenhuma das low cost que atual no Brasil de ter voos nacionais de baixo custo.

Tudo o que sabemos sobre:

Setor aéreo