Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Alckmin vota calado

Vera Magalhães

Geraldo Alckmin foi votar logo que abriram os portões do colégio Santo Américo, no Morumbi, mas evitou declarar como votou. “Todo poder emana do povo e em nome dele deve ser exercido. Hoje quem fala é o eleitor, e nós devemos ouvir”, disse o candidato derrotado do PSDB à Presidência ao deixar o local de votação.

Segundo reportagem do Estadão, perguntado se havia dado um “voto de solidariedade” a alguém, em referência à fala de Doria no primeiro turno, que daria um voto de solidariedade a ele, Alckmin apenas riu e não respondeu.