Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Aliados contra PLNs questionam postura de Bolsonaro

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

A postura de Jair Bolsonaro de pedir aos presidentes do Legislativo para trabalharem contra os PLNs que regulam o Orçamento irritou até mesmo aliados do Planalto nesta questão. O líder do Podemos, Léo Moraes (RO), que votará contra os projetos, questionou o presidente da República em debate na Comissão Mista de Orçamento. “O Podemos é contrário a esses PLNs por convicção, por princípios e por legalidade. Mas quero sugerir uma solução para essa queda de braço. O próprio presidente da República pode retirar esses PLNs, a qualquer momento. Por que não retira?”, perguntou.

O líder do Podemos, deputado Léo Moraes (RO)

O líder do Podemos, deputado Léo Moraes (RO) Foto: Jane de Araújo/Agência Senado

“Parece que ele utiliza de sofismas. Se o chefe do Executivo é, realmente, contrário aos PLNs, que retire essa matéria”, disse. Em sua viagem aos EUA, Bolsonaro negou a possibilidade de pedir para que as manifestações contra o Congresso não aconteçam e pediu para Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP), trabalhassem contra os PLNs como forma de esvaziar os protestos. Ele também pediu para que sua militância saia às ruas em defesa de seus projetos de governo.