Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Anvisa dá aval à fábrica chinesa da Coronavac

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A Anvisa concedeu, na segunda-feira, 21, a certificação de boas práticas à fábrica da farmacêutica Sinovac na China onde será produzida a matéria-prima da vacina Coronavac, que está sendo produzida em parceria com o Instituto Butantan. O certificado é obrigatório para um eventual registro da vacina no Brasil.

Lote da Coronavac chega ao Aeroporto de Guarulhos.. Foto: Governo de São Paulo

O pedido de registro, contudo, ainda depende da divulgação de resultados da fase 3 de testagem do imunizante pelo Butantan, o que foi prometida para a próxima quarta-feira, 23.

“A etapa finalizada é um dos pré-requisitos para a continuidade tanto do processo de registro da vacina da Sinovac quanto de um eventual pedido de autorização de uso emergencial dessa vacina que vier a ser apresentado à Anvisa”, afirmou a agência, em nota.

A estimativa é de que o consórcio formado pela Sinovac e pelo Instituto Butantan submeta a documentação solicitando o registro da vacina junto à Anvisa nos próximos dias.

Mesmo sem o registro na Anvisa, o governo de São Paulo já anunciou o inincio da vacinação contra a covid-19 no Estado para o dia 25 de janeiro.