Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Anvisa libera importação de matéria-prima para Coronavac

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou a importação dos insumos para a produção de 40 milhões de doses da Coronavac pelo Instituto Butantan nesta quarta-feira, 28, depois de mais de um mês de espera. 

Na semana passada, depois da pressão do governo de São Paulo, a Agência liberou a importação das 6 milhões de doses que já virão prontas da China.

O governo do Estado vinha reclamando da demora para a autorização nas últimas semanas. O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, afirmou anteriormente que o atraso na autorização afetará a produção das doses da vacina e deve gerar mudanças no calendário de disponibilização do imunizante à população.

A vacina ainda não teve a última fase de testes concluída. Os resultados de segurança e efeitos adversos parciais publicados neste mês foram positivos, mas a eficácia do imunizante ainda não foi comprovada. 

Tudo o que sabemos sobre:

anvisacoronavacInstituto Butantan