Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Aperte o cinto, o dinheiro sumiu

Vera Magalhães

O próximo presidente já assumirá tendo de apertar o cinto mais que qualquer antecessor. Com o teto de gastos, a margem para investimentos do próximo mandatário será a menor da série histórica, iniciada em 1997: 3,09% do PIB, segundo cálculo que consta de reportagem da Folha.

O melhor é os candidatos prometerem pouco na campanha, sob o risco de vender terreno na Lua.

Notícias relacionadas