por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Apoiadores do impeachment arrependidos?

José Fucs

Em artigo publicado na revista Época desta semana, o cientista político Rogério Arantes, da USP, traça um paralelo entre a ‘greve’ dos caminhoneiros e os protestos de 2013 e sugere que muitos brasileiros estão arrependidos de terem apoiado o impeachment de Dilma.

“Quando a crise política se instalou e a remoção de Dilma foi posta como alternativa, muitos de nós, analistas políticos, alertamos que o remédio seria pior que a doença e que a solução poderia desencadear uma crise institucional e abalar as bases do próprio regime democrático”, diz. “Penso que acertamos nessa previsão.” Será? Como dizia o dramaturgo e escritor italiano Luigi Pirandello, “assim é se lhe parece”. / J.F.

Tudo o que sabemos sobre:

DilmaImpechment2013caminhoneirosgreve