Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Apoio de Bolsonaro a Pacheco faz MDB antecipar escolha de candidato ao Senado

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Os senadores do MDB já foram informados que Jair Bolsonaro vai apoiar Rodrigo Pacheco (DEM-MG) para a Presidência da Casa. Os emedebistas ainda esperavam contar com o apoio do presidente, já que o partido tem dois líderes do governo como pré-candidatos na disputa: Fernando Bezerra (PE), líder do Senado, e Eduardo Gomes (TO), líder do Congresso – Eduardo Braga (AM) e Simone Tebet (MS). Mas Bolsonaro preferiu apoiar Pacheco, indicado pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Por causa disso, a bancada decidiu antecipar a escolha do candidato para quarta ou quinta-feira para buscar o apoio de outros partidos. A bancada do MDB tem hoje 13 senadores, mas deve aumentar para 15 nos próximos dias. O partido acredita que pode conseguir, pelo menos, o apoio do Podemos (9) do PSDB (7) e do PT (6). Com isso, poderia chegar a pelo menos 37 votos, precisando conseguir outros 4 para formar maioria.

Tudo o que sabemos sobre:

eleição presidência SenadoMDB