por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Após reforma, 61% aprovam atuação de Tabata

Equipe BR Político

Se Ciro Gomes e Carlos Lupi estão torcendo o nariz para Tabata Amaral (PDT-SP) após a jovem deputada votar favoravelmente ao texto da base da reforma da Previdência, o mesmo parece não acontecer na maioria do eleitorado. Segundo pesquisa realizada pela Ideia Big Data mostra que a aprovação da parlamentar entre os que conhecem seu trabalho cresceu após a votação. Em junho, 30% aprovavam a atuação da Tabata. Em julho, este porcentual passou para 61%. A pesquisa foi realizada entre 14 e 17 de julho, após a votação da reforma na Câmara. Confira no Estadão o levantamento completo.