Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Após saída da Ford, Pereira cobra ‘olhar mais amigável’ para quem gera emprego

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Presidente nacional do Republicanos e ex-ministro de Indústria e Comércio, o deputado Marcos Pereira (SP) lamentou o anúncio do fim das operações da Ford no Brasil. Ele cobrou do Ministério da Economia um “olhar mais amigável” para quem gera emprego no País.

“Lamentável receber a notícia do fechamento das fábricas da Ford no Brasil. Serão mais de 5 mil desempregados. O Ministério da Economia precisa ter um olhar mais amigável para com aqueles que geram emprego neste País”, diz Pereira.

O deputado, que preside o partido que tem dois filhos de Jair Bolsonaro filiados (Flávio e Carlos), lembrou que, em dezembro, o mesmo tinha acontecido com a Mercedes-Benz. “Quem será a próxima?”, questiona.

E o ex-ministro fez um alerta para o governo:

“Se é verdade que saúde econômica pode decidir as eleições presidenciais, com estes anúncios, podemos dizer que 2022 está logo aí, e, quem viver verá…”, avisou.

Tudo o que sabemos sobre:

marcos pereiraFord