Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ativista pró-democracia rebate Mourão: ‘Baderna é o que o governo faz’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O motorista de aplicativo da Brasilândia, que ajudou a organizar o ato pró-democracia realizado na Avenida Paulista no domingo, 31, com a participação de torcedores de diversos times de futebol, Danilo Pássaro, rebateu a afirmação do vice-presidente Hamilton Mourão de que os organizadores do protesto são baderneiros:

“Baderna é o que o governo está fazendo com a República e com o Poder Executivo”.

“Eles exalam ódio e grosseria, fazem apologia à tortura e à ditadura, agridem jornalistas e profissionais da saúde, e ridicularizam as mortes de mais de 30 mil brasileiros por covid-19”.

“Fizemos uma manifestação pacífica em acordo com o coronel da Polícia Militar, encerramos e dispersamos no horário combinado. Mais de 80% dos manifestantes pró-democracia já tinham sido dispersados, mas pessoas que alegavam ser das Forças Armadas junto com outras que portavam símbolos neonazistas iniciaram provocações”, afirmou Danilo Pássaro, que é filiado ao PSOL e formado em Teologia.