Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Avaliação negativa de Bolsonaro perde embalo, mas se mantém alta

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Pesquisa XP/Ipespe divulgada nesta sexta, 12, mostrou que a avaliação negativa do presidente Jair Bolsonaro perdeu o embalo ascendente verificado em abril e meados de maio. O índice passou de 49%, no final de maio, para 48%, agora. Em 24 de abril, no entanto, era de 42%, subindo para 50% em 18 de maio, caindo na sequência para 49% no dia 27 do mês passado até os 48% de hoje, ou seja, quase metade da população ainda avalia como ruim ou péssima a gestão do atual chefe do Planalto.

Já a avaliação positiva ganhou dois pontos porcentuais em relação ao mês passado, passando de 26%, índice verificado em 27 de maio, para os atuais 28%. Em perspectiva nos últimos três meses, perdeu três pontos porcentuais, com 31% em 24 de abril, caindo para 25% em 18 de maio e, agora, chega a 28%.

Foram feitas 1.000 entrevistas de abrangência nacional, de 9 a 11 de junho. A margem de erro é de 3,2 pontos porcentuais para mais ou para menos.

Tudo o que sabemos sobre:

avaliaçãoJair BolsonaroXP/Ipespe