por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Banalização indevida

Vera Magalhães

Em editorial nesta terça-feira, o jornal O Globo condena o que chama de “banalização indevida e desinformada” do risco de um golpe, que aparece com frequência em análises, conversas mas também em declarações e propostas de candidatos e partidos.

“O povo escolhe aquele candidato que considerar o melhor, cabendo às instituições vigiarem a aplicação da Constituição. Como vem sendo feito. Não há espaço para conjecturas fora da Carta. O próximo presidente enviará ao Congresso suas propostas, para serem aprovadas ou não. No caso de divergências, o Judiciário fará a mediação. Neste ambiente institucional de estado de direito, não é cabível sequer cogitar um golpe. Prejudica a democracia”, diz o texto.