Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bancos não vão poder bloquear auxílio emergencial para quitar dívidas

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Para garantir que o auxílio emergencial chegará aos seus destinatários, o governo decidiu que os bancos não poderão bloquear esses recursos para pagar eventuais pendências que os beneficiários tenham. O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, anunciou hoje que não será permitido aos bancos fazer isso.

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, na coletiva desta terça

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, na coletiva desta terça Foto: Reprodução/TV BrasilGov

“O auxílio emergencial será protegido. Não será debitado de contas pendentes nos bancos”, disse o ministro durante a entrevista para anunciar o funcionamento do benefício.