Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Barroso: TSE foi alvo de hackers, mas tentativa de ataque foi ‘neutralizada’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso confirmou neste domingo, 15, que houve uma tentativa de ataque hacker ao sistema que guarda as informações da Justiça Eleitoral, mas que investida externa foi totalmente neutralizada. Segundo ele, não houve nenhum tipo de prejuízo à eleição.

O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, e o vice, ministro Edson Fachin. Foto: Ascom/TSE

“Houve de fato uma tentativa de ataque hoje, com quantidade de acessos massivos para tentar derrubar o sistema como um todo. E não foi bem-sucedido”,  disse Barroso em coletiva no TSE.

Mais cedo, informações que circulavam pelas redes sociais davam conta de que havia ocorrido um vazamento de informações do TSE. Segundo Barros, trata-se de um ataque antigo contra o banco de dados do tribunal, no qual estão guardados os dados dos servidores públicos da corte eleitoral.

“Houve uma notícia de que teria havido vazamento dos dados dos servidores. Dos funcionários. Houve notícia que teria havido vazamento de dados dos funcionários do TSE. Isso não é produto de um ataque atual, é um ataque antigo, que ainda não fomos capazes de precisar. Não sabemos se antigo há dez dias ou cinco anos”, esclareceu.

 

Tudo o que sabemos sobre:

TSEataque hackerCentral das Eleições