Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bebianno: ‘Desafio o presidente a comprovar essa mentira’

Vera Magalhães

 

Gustavo Bebianno diz que Jair Bolsonaro mentiu ao atribuir a ele a responsabilidade por formular ou levar até ele um dossiê para impedir que o “príncipe” Luiz Philippe de Orleans e Bragança fosse vice na chapa do hoje presidente em 2018.

Em vídeo gravado nesta quarta-feira, ao qual o BRPolítico teve acesso, o ex-ministro “desafia” Bolsonaro a repetir essa “mentira” cara a cara com ele, chama de “leviandade” a afirmação de Bolsonaro, conta a cronologia que levou à decisão, que diz ter sido de Bolsonaro, de Hamilton Mourão como vice e por que o nome de Orleans e Bragança foi abortado pelo próprio candidato, nos últimos dias de limite da lei eleitoral para o registro de chapas.

Bebianno confirma que Bolsonaro recebeu um dossiê com denúncias desmoralizando o “príncipe”, mas que foi o presidente que lhe falou a respeito e pediu que informasse ao hoje deputado que ele não mais seria o companheiro de chapa do pesselista.

Assista abaixo o vídeo em que o ex-ministro e ex-coordenador de campanha desmente Bolsonaro em mais essa confusão criada pelo próprio presidente. “Presidente, seu mandato não lhe outorga o direito de denegrir a imagem dos outros”, diz Bebianno no vídeo, em que desafia Bolsonaro a passar por um detector de mentiras para ver quem está falando a verdade.

Como o vídeo é muito longo, tivemos de editá-lo em três partes.

Parte 1:

Parte 2:

Parte 3: