Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bebianno recusa convite para falar em comissão do Senado

Marcelo de Moraes

O ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência Gustavo Bebianno recusou o convite feito pela Comissão de Fiscalização e Controle do Senado para falar sobre os motivos de sua demissão do governo e sobre as denúncias de um suposto esquema de candidaturas laranjas dentro do PSL. O depoimento de Bebianno aconteceria hoje. Em e-mail enviado ontem para a comissão, Bebianno alegou ter “outros compromissos previamente assumidos”.

Como a comissão não tem poder para convocar pessoas, a ida de Bebianno dependia exclusivamente de sua vontade. O ex-ministro não precisou, assim, passar por nenhuma saia-justa, mas ouviu críticas pesadas do líder da Rede, Randolfe Rodrigues (AP). “É característico do senhor Bebianno, não poderia ser diferente. Ele confirma a trajetória medíocre que teve na vida pública, de sair pela porta dos fundos, e não explicar aqui as verdadeiras razões pelas quais foi demitido do Governo do presidente Bolsonaro. Enfim, cada um tem o seu lado da história e tem a sua escolha pessoal de como quer passar para as gerações futuras. Essa é a escolha do Sr. Bebianno, e nós a respeitamos”, criticou Randolfe. / Marcelo de Moraes

Tudo o que sabemos sobre:

BebiannoRandolfe Rodrigues