Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bezerra comemora aprovação de ajuda do pré-sal a Estados

Equipe BR Político

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), comemorou a aprovação, em primeiro turno, da PEC que divide recursos federais do pré-sal com Estados e municípios, mas não sem antes deixar claro que a disputa por mais verba para os entes da federação não se esgota com distribuição do bônus da cessão onerosa. O parlamentar chamou a atenção para a distribuição do Fundo Social do pré-sal, hoje destinado exclusivamente à educação pública, com prioridade para a educação básica, e à saúde. Segundo ele, o valor do fundo está na casa de R$ 45 bilhões. A proposta será votada ainda em segundo turno na Casa.

Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, do MDB, enxuga o rosto

Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Foto: Beto Barata/Estadão Conteúdo

“Os critérios de partilha desses recursos que irão ocorrer nos próximos oito anos ainda não estão definidos. E certamente não será através do FPE (Fundo de Participação dos Estados), mas de um critério misto para atender de forma equânime a todos os Estados da Federação”. Em nome dessa igualdade, Bezerra extravasou, aos berros, contra o senador José Serra (PSDB-SP). “Quantas vezes, senador José Serra, não acudimos o Estado de São Paulo em renegociação de dívida, em contratação de financiamentos públicos, em aprovação da securitização, em prolongamento do precatório, inclusive, propostas de vossa autoria?”. Minutos mais tarde, o pernambucano voltou ao microfone para pedir desculpas ao paulista. “Extrapolei os limites da convivência.”