Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

BH: ocupação de leitos de UTI para covid-19 supera 80%

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Após vários alertas de cientistas e do prefeito Alexandre Kalil (PSD) sobre aumento da disseminação do novo coronavírus na capital mineira em razão de vários registros de aglomerações sociais e pressão de lojistas por veto a restrições, a ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento da doença na cidade ultrapassou a marca de 80% na segunda-feira, 28, conforme boletim divulgado pela prefeitura.

O índice é o maior desde o início da divulgação do dado, em 5 de agosto, quando o percentual atingiu 79,4%. O informativo desta segunda aponta ocupação de 80,3%, informa Leonardo Augusto, especial para o Estadão.

A ocupação é maior na rede particular, que tem, no momento, 83,5% do total de leitos com pacientes. Na rede pública a utilização de UTI para tratamento da covid-19 é um pouco menor, 76,7%. O boletim divulgado na segunda mostra ainda que 1.839 pessoas já morreram em Belo Horizonte por causa da doença. O total de casos confirmados é de 61.825.

Por outro lado, o índice que mede o potencial de transmissão do vírus de cada infectado, que chegou a 1,11 no dia 18 de dezembro, na faixa amarela de alerta, está agora em 0,96, caindo à área verde de cautela.

Tudo o que sabemos sobre:

Belo HorizontecovidUTI