Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsa cai e dólar vai a R$ 5,50 com aviso de saída de Moro do governo

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A informação de que o ministro Sérgio Moro pode deixar o governo se o presidente Jair Bolsonaro mudar o comando da Polícia Federal fez a Bolsa de Valores de São Paulo, a B3, cair mais de 2% e o dólar ser cotado no máximo valor nominal (quando não se desconta a inflação) da história, R$ 5,5038. A moeda – que iniciou esta quinta-feira, 23, em alta de quase 1% e recuou depois de uma ação do Banco Central para R$ 5,40  voltou a subir no fim da manhã e, novamente, ficou com valor acima de R$ 5,45. No final da tarde, às 16h17, o dólar bateu nos R$ 5,50, após ser pressionado pelo cenário político local, informa o Estadão. A reação vem no momento em que as previsões de crescimento econômico no mundo diante da pandemia do novo coronavírus são as mais desanimadoras.

No final da tarde, às 16h17, o dólar bateu nos R$ 5,50, após ser pressionado pelo cenário político local

No final da tarde, às 16h17, o dólar bateu nos R$ 5,50, após ser pressionado pelo cenário político local Foto: Amanda Perobelli/Reuters

Tudo o que sabemos sobre:

dólarBolsasergio moro