Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaristas ‘a pé’ nas eleições

Vera Magalhães

A esperada impossibilidade de criar a Aliança pelo Brasil a tempo de disputar as eleições municipais de outubro deixará os bolsonaristas “a pé” nas disputas. Afinal, apenas partidos de aluguel toparão dar legenda a candidatos aliados ao presidente para, depois de eleitos, vê-los dar as costas aos partidos.

O presidente Jair Bolsonaro no lançamento do Aliança pelo Brasil

O presidente Jair Bolsonaro no lançamento do Aliança pelo Brasil Foto: Gabriela Biló/Estadão

Não se deve esperar esse tipo de benevolência do PSL, partido que abrigou o presidente e que tem ainda a maioria dos futuros aliancistas. O PSC de Carlos Bolsonaro, também, deverá consultar o governador Wilson Witzel quanto à candidatura do vereador a mais um mandato pela sigla.

Os remanescentes do bolsonarismo no PSL devem aproveitar o anúncio de Flávio Bolsonaro de que a Aliança não sairá a tempo para arranjar abrigo caso queiram concorrer às prefeituras (no caso de deputados com mandatos) ou a vereador, no caso dos aspirantes a políticos.