Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro a empresários: ‘Eu não posso saber de tudo’

Equipe BR Político

Em discurso nesta terça-feira, 6, durante o 29º Congresso e ExpoFenabrave, do setor automotivo, o presidente Jair Bolsonaro voltou a falar sobre as dificuldades à frente da Presidência. Mas destacou que “as medidas para a economia vão aparecendo aos poucos”. Ele repetiu várias vezes que não entende de economia. “Eu não posso saber de tudo, me empenhei muito enquanto militar. Cheguei a posto de capitão. E obviamente não podia entender de economia. Não é possível saber de tudo. E o que eu fiz, quando fomos montar gabinete? Escolhemos aqueles que se apresentavam como os melhores, sabendo que tinha outros também bons”, disse.

Aos empresários, Bolsonaro disse que assinou medida provisória ontem para permitir que as empresas publiquem seus balanços sem custo via site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e no Diário Oficial da União. Ele ainda rebateu a reportagem, publicada no fim de semana pelo O Globo, que dizia que o clã Bolsonaro já nomeou 102 pessoas com laços familiares. “Imprensa, eu não sou o deus Príapo”, disse em referência a deus da fertilidade na mitologia grega. E voltou a defender a nomeação do filho Eduardo Bolsonaro à embaixada brasileira em Washington e sua relação com a família Trump. “Se não for meu filho, será o filho de alguém”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair BolsonaroEconomiaempresários