Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro admite problema de coordenação

Vera Magalhães

Jair Bolsonaro reconheceu nesta sexta-feira que o governo enfrenta problemas na articulação política com o Congresso, ao justificar as mudanças de atribuições dos ministros definidas por ele. “Quando nós montamos aqui, no primeiro momento, por inexperiência nossa, houve, tivemos algumas mudanças nas funções de cada um que não deram certo. Então, em grande parte, retornamos ao que era feito em governo anterior”, afirmou nesta sexta-feira, em entrevista no Palácio do Planalto.

Ele evitou culpar Onyx Lorenzoni, retirado do dia a dia da articulação, pelos resultados ruins. “Onyx está fortalecido pelo PPI”, afirmou. As mudanças foram definidas depois que o governo sofreu duas derrotas: na votação do decreto das armas na CCJ do Senado e as mudanças feitas no relatório da reforma da Previdência pelo relator Samuel Moreira.