Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro antecipa o que vem por aí na ‘caixa-preta’ do BNDES

Equipe BR Político

O presidente Jair Bolsonaro soltou alguns “spoilers” em sua transmissão nas redes sociais do que o novo presidente do BNDES, Gustavo Montezano, irá revelar na chamada “caixa-preta” do banco de fomento. Segundo Bolsonaro, ele irá mostrar os empréstimos feitos pelo órgão para países “amigos” dos governos petistas, “com taxa de juros de 4% ao ano”. “No máximo em 2 meses abre a caixa-preta, que tem. Quase meio trilhão de reais o PT ,via empreiteiras, entregou para Bolívia, Cuba, Venezuela, Angola. E o dinheiro vai ser mostrado para você, quanto foi e a que taxa de juros. Você vai cair apra trás: em média 4% ao ano”, disse.

O presidente também disse que nenhum dos países que receberam os empréstimos “estão pagando nada” e que o custo recai sobre o Tesouro, que arca com o prejuízo do BNDES. A garantia era o próprio Tesouro. Eles não estão pagando, acho que ninguém está pagando. E quem paga é o Tesouro que é você”, disse, prometendo também mostrar pessoas físicas que utilizaram recursos do banco para “comprar aviãozinho”. “Porque eram amigos do Lula e da Dilma.”