Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro anuncia prorrogação do benefício emergencial para empresas

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

Enquanto não traz novidades sobre o auxílio emergencial, o presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira, 24, que prorrogou o Benefício Emergencial de Emprego e Renda (BEm) por mais dois meses. Não se trata dos R$ 600 para população de baixa renda e autônomos, mas sim da complementação de salários reduzidos ou suspensos por parte das empresas, em valores que variam de R$ 261,25 e R$ 1.813,03.

“Acabei de assinar um decreto prorrogando por dois meses um grande acordo onde o governo entra com parte do recurso de modo que venhamos a preservar 10 milhões de empregos no Brasil”, disse Bolsonaro em vídeo divulgado por suas redes sociais. Ao lado do presidente aparecem o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o secretário Bruno Bianco Leal. “A saúde não pode ficar dissociada do emprego”, afirmou o presidente.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair Bolsonarocoronavírus