Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro chama AGU de ‘ministro terrivelmente evangélico’

Equipe BR Político

Durante discurso na Câmara dos Deputados na manhã desta segunda-feira, 15, o presidente Jair Bolsonaro praticamente indicou o advogado-geral da União, André Mendonça, para uma das vagas no Supremo Tribunal Federal que serão abertas durante o seu mandato. Há poucos dias, Bolsonaro afirmou que nomearia para uma das vagas “um ministro terrivelmente evangélico”.

“Prezado André Mendonça, ministro chefe da Advocacia-Geral da União, um ministro terrivelmente evangélico”, disse Bolsonaro, enquanto cumprimentava os presentes na sessão solene em homenagem ao aniversário do Comando de Operações Especiais do Exército Brasileiro. Além de advogado, Mendonça também é pastor da Igreja Presbiteriana.