por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro chama de ‘melancia’ general que o classificou de antipatriótico

Marcelo de Moraes

Jair Bolsonaro usou suas redes sociais neste domingo para dizer que não fez nenhuma crítica aos nordestinos. Mas aproveitou para atacar o general Luiz Rocha Paiva, que chamara seu ato de “antipatriótico”. O presidente escreveu que “sem querer, descobrimos um melancia, defensor da Guerrilha do Araguaia em pleno século XXI”. Melancia era uma gíria comum no período de governos militares, numa alusão a uma pessoa que era verde (cor da farda dos militares) por fora e vermelho (cor associada aos comunistas por conta da bandeira da antiga União Soviética) por dentro.

“Daqueles GOVERNADORES… o pior é o do Maranhão”. Foi o que falei reservadamente para um ministro. NENHUMA crítica ao povo nordestino, meus irmãos. Mas o melhor de tudo foi ver um único general, Luiz Rocha Paiva, se aliar ao PCdoB de Flávio Dino, p/ me chamar de antipatriótico. Sem querer descobrimos um melancia, defensor da Guerrilha do Araguaia, em pleno século XXI”, postou o presidente.

 

Tudo o que sabemos sobre:

BolsonaroNordeste