Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Bolsonaro chama Doria de ‘lunático’ e governador manda presidente ‘trabalhar’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), divulgou nota nesta quinta-feira, 29, para responder ao mais recente ataque feito pelo presidente Jair Bolsonaro. Ontem, em conversa com apoiadores, o chefe do Executivo chamou o tucano de “lunático” por ele ter defendido a obrigatoriedade da vacinação contra a covid-19 e por ter proposto uma reforma administrativa e ajuste fiscal que, segundo Bolsonaro, aumentou tributos no Estado.

Jair Bolsonaro, presidente da República, e João Doria, governador de São Paulo, durante solenidade

Jair Bolsonaro, presidente da República, e João Doria, governador de São Paulo, durante solenidade Foto: Marcos Correa/PR

“Doria aumentou ICMS de combustível, criou imposto para o cara que é deficiente e comprou um carro. Aumentou tudo que você pode imaginar. E ainda fala em obrigar a tomar vacina. O que é isso? É coisa de lunático isso aí. Lunático”, disse Bolsonaro. A conversa registrada por um site bolsonarista.

Na reação de hoje, Doria disse que Bolsonaro deveria parar de atacá-lo e ocupar seu tempo com trabalho.

“Recomendo ao presidente Bolsonaro parar de me atacar e começar a trabalhar. O povo não quer briga, quer emprego. O Brasil não quer divisão, quer compaixão. O Brasil não quer um presidente que só pensa em reeleição”, declarou.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair BolsonaroJoão DoriavacinaTrabalho