Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro cita ‘farra de multas do Ibama’

Equipe BR Político

O presidente eleito Jair Bolsonaro, em vias de anunciar o futuro ministro do Meio Ambiente, afirmou neste sábado, 1, que índio tem que ser tratado como “todo mundo”, já que querem, segundo ele, as comodidades materiais que o mundo oferece. Ele reiterou que a pasta não vai brigar com os produtores rurais, acrescentando que não vai permitir que o Ibama saia “multando a torto e a direito”.

Bolsonaro é defensor da exploração de recursos minerais na região da Amazônia, terra de várias comunidades indígenas. Ele já questionou a soberania do Brasil sobre a região por acreditar que são os índios os donos do pedaço, bem como já disse que a demarcação de terras indígenas pode configurar a existência de “outros países” dentro do Brasil. Assim como neste sábado, 1, já comparou no passado terras indígenas a zoológicos.

Tudo o que sabemos sobre:

IbamaMeio AmbienteJair Bolsonaro