Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro continua minimizando coronavírus

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

Jair Bolsonaro manteve o discurso de minimizar a pandemia de coronavírus. Mesmo com até mesmo Donald Trump ressaltando que colocará todas as ferramentas que tem à disposição para conter a doença. Nesta quarta-feira, 11, o presidente brasileiro disse que “ouviu” que outras doenças matam mais. “Eu não sou médico, eu não sou infectologista. O que eu ouvi até o momento, outras gripes mataram mais do que essa”, disse.

O presidente, Jair Bolsonaro

O presidente, Jair Bolsonaro Foto: Dida Sampaio/Estadão

É a narrativa que tem sido propagada por grupos “bolsolavistas” na internet. Com receio de ver esvaziadas as manifestações do próximo domingo, páginas de apoio ao presidente tem divulgado a teoria da conspiração de que o pânico gerado pela doença seria “manipulação global”. E que, portanto, não haveria motivo para tamanha comoção. A Organização Mundial da Saúde discorda e já classifica o coronavírus como pandemia, merecendo atenção de governos de todo o mundo.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair Bolsonarocoronavírus