Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro defende uso de remédios fora da bula

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Em publicação no Twitter, o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender, nesta segunda-feira, 20, o uso de medicamentos sem comprovação científica ou necessidade de seguir orientações da bula no tratamento de doenças. Depois de afirmar estar contaminado pela covid-19, Bolsonaro tem reforçado sua postura de garoto propaganda da hidroxicloroquina.

Foto: Reprodução/Facebook

Ontem, o presidente chegou a erguer uma caixa do medicamento diante de apoiadores no Palácio da Alvorada.

“É importante lembrar que o uso off label (fora da bula) de medicamentos é consagrado na medicina, desde que haja clara concordância do paciente. E que, sem a prática do off label, diversas doenças ainda estariam sem tratamento”, escreveu Bolsonaro no Twitter, citando trecho de uma publicação da Associação Médica Brasileira (AMB). O texto completo foi compartilhado pelo presidente por meio de um link.

No texto, publicado ontem, a AMB trata especificamente sobre a hidroxicloroquina e reforça que “não existem estudos seguros, robustos e definitivos sobre a questão”, em referência ao tratamento do novo coronavírus. A entidade também critica o uso político do medicamento, que, na visão da AMB, “deixará um legado sombrio para a medicina brasileira”.