Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro dispensa três generais numa semana

Marcelo de Moraes

Na mesma semana, Jair Bolsonaro decidiu dispensar três generais da sua equipe de governo. Além de demitir o general Santos Cruz do posto de ministro da Secretaria de Governo, o presidente já tinha exonerado o general Franklinberg de Freitas do comando da Funai. Hoje, em café com jornalistas no Palácio do Planalto, anunciou que vai rifar o presidente dos Correios, general Juarez Aparecido de Paula Cunha.

Logo depois de sua posse, o presidente acabou se valendo da proximidade que tem com a área militar para buscar nos quadros das Forças nomes para compor sua equipe nos principais escalões. Nem todas as escolhas, porém, parecem ter funcionado como Bolsonaro imaginava e ele começou a dispensar representantes da ala militar, justamente uma das mais importantes do seu governo. No caso específico de Juarez, ele já estava à frente do cargo no governo de Michel Temer, mas foi mantido por Bolsonaro./M.M.