Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro diz que não vai à posse de Fernández

Equipe BR Político

De volta ao Brasil e às paradinhas em frente ao Palácio da Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que não irá à posse presidencial de Alberto Fernández e Cristina Kirchner. “Não vou”, disse o presidente na manhã desta sexta-feira, 1. Em janeiro, Macri também não prestigiou a posse do brasileiro.  Na Argentina, o evento está marcado para 10 de dezembro. Até agora, Bolsonaro ainda não cumprimentou o eleito. Ele sempre deixou claro aos quatro ventos que torcia pela reeleição de Maurício Macri.

Ele voltou a afirmar que a princípio não pensa em romper as relações com o país vizinho, mas que  espera que Fernández mantenha relação com o Brasil semelhante a de Macri.  “Peço a Deus que dê tudo certo lá. Torci pelo outro, né? Já que ganhou, vamos em frente. Não tem qualquer retaliação da minha parte”, afirmou. “Espero que eles continuem fazendo uma política conosco semelhante ao que o Macri fez até o momento”, disse o presidente.