Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro fala que quer decisão sobre Ramagem ‘revista’

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

Jair Bolsonaro dedicou boa parte de sua transmissão nas redes sociais desta quinta-feira, 30, a defender o delegado Alexandre Ramagem. O presidente listou o “currículo” do atual diretor da Abin, impedido pelo Supremo de assumir o comando da Polícia Federal, e fez um apelo ao ministro Alexandre de Moraes. “Não é por mim, é pela vida pregressa deste homem. Que revejam essa situação para que ele possa assumir”, disse Bolsonaro.

O presidente Jair Bolsonaro durante a transmissão desta quinta

O presidente Jair Bolsonaro durante a transmissão desta quinta Foto: Reprodução/Facebook Jair Bolsonaro

“O crime dele neste momento foi participar da minha segurança. É a proximidade comigo”, afirmou Bolsonaro. Alexandre de Moraes acatou um pedido de liminar e justificou alegando que a nomeação feria os princípios de “moralidade e impessoalidade”, necessárias para qualquer ato do poder público. Em sua saída do Ministério da Justiça, Sérgio Moro acusou Bolsonaro de querer trocar o comando da PF para receber informações privilegiadas sobre investigações em andamento.