Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro fortalece Guedes: ‘Vai continuar conosco até nosso último dia’

Marcelo de Moraes

O presidente Jair Bolsonaro aproveitou a solenidade de posse dos seus novos ministros para prestigiar Paulo Guedes. Enfrentando seu maior desgaste desde que entrou no governo, o ministro da Economia tem sido muito criticado por duas declarações desastradas. Na primeira, fez uma comparação na qual associava servidores públicos a parasitas. Poucos dias depois, criticou a cotação baixa do dólar que havia no passado citando como exemplo que até empregadas domésticas estavam indo para a Disney.

O presidente da República, Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes

O presidente da República, Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes Foto: Dida Sampaio/Estadão

Nesta tarde, Bolsonaro fez o primeiro gesto público de prestígio ao ministro depois dessas derrapadas, que classificou como “possíveis pequenos deslizes”. O presidente afirmou que Guedes “vai continuar conosco até nosso último dia”.

“Uma das coisas mais importantes, Paulo Guedes, que aconteceu, desde a chegada dos senhores ao governo foi a recuperação da confiança que o mundo não tinha conosco. Se o Paulo Guedes tem alguns problemas pontuais, como todos nós temos, e ele sofre ataques, é muito mais pela sua competência do que possíveis pequenos deslizes, que eu já cometi muitos no passado. O que nós devemos aos ministros, e em especial ao Paulo Guedes aqui, é muito e nós reconhecemos isso aí. O Paulo não pediu para sair, mas eu tenho certeza que, assim como foi um dos poucos que eu conheci antes das eleições, ele vai continuar conosco até o nosso último dia. Paulo Guedes não é militar, mas ele é ainda um jovem aluno do Colégio Militar de Belo Horizonte. Muito obrigado por estar entre nós”, disse o presidente em seu discurso.

Tudo o que sabemos sobre:

Paulo GuedesJair Bolsonaro