Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro: ‘Governadores do NE agem para dividir o País’

Vera Magalhães

Jair Bolsonaro concedeu uma entrevista ao Estadão durante visita a Sobradinho em que voltou a criticar governadores do Nordeste. “O PT lançou a divisão entre nós. E nós temos de nos unir. Agora mesmo estão tendo indícios de que, se não todos, a maioria dos nove governadores do Nordeste quer começar a implementar a divisão do Nordeste contra o resto do Brasil”, afirmou, ao explicar discurso em que acabara de defender a união do Paós. Ele concedeu a entrevista exclusiva ao jornal enquanto dava uma “carona” ao repórter Patrik Camporez após uma solenidade. É a segunda conversa fora da agenda com um veículo em uma semana: na quinta-feira passada ele deixou que uma repórter do Globo subisse com ele ao gabinete para um café.

Sobre as polêmicas causadas por declarações recentes, o presidente disse que tenta ser um pouco mais polido, mas que o seu estilo é o mesmo da época da campanha. Aos que o criticam, afirmou: “Paciência. Já sabiam que eu era assim. A gente procura se polir um pouco mais, mas acontece”. Segundo ele, é a primeira vez que um presidente eleito busca honrar o que prometeu. Para Bolsonaro, a esquerda “usa as minorias” para veicular sua agenda. “Procura um afrodescendente com a cabeça no lugar. Por que ele foi beneficiado com as políticas de cotas do passado? Benefício nenhum, zero. A questão das comunidades indígenas, a mesma coisa. Usam o índio, usam o negro, usam a comunidade LGBT para atingir seus objetivos. Usam o povo do Nordeste muitas vezes.”