Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro ironiza e manda Evo ir para Cuba

Equipe BR Político

O presidente Jair Bolsonaro ironizou o asilo oferecido pelo México a Evo Morales, que renunciou à presidência da Bolívia no último domingo, 3. “Lá (no México) a esquerda tomou conta de novo. Tenho um bom país para ele: Cuba”, afirmou Bolsonaro em frente ao Palácio do Alvorada na noite desta segunda, 11. Evo anunciou hoje que havia uma ordem de “prisão ilegal” contra ele. “Denuncio ao mundo e ao povo boliviano que um oficial da polícia anunciou publicamente que tem a instrução de executar uma ordem de prisão ilegal contra a minha pessoa”, escreveu ele no Twitter, acrescentando que “grupos violentos” atacaram sua casa. O governo mexicano informou que o asilo foi concedido a Evo porque “sua vida e integridade correm riscos”.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair BolsonaroEvo Morales