Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro louvou grupos de extermínio

Equipe BR Político

Em 2003, Jair Bolsonaro disse que grupos de extermínio eram “muito bem-vindos” enquanto o Brasil não adotasse a pena de morte. A declaração, resgatada pela Folha, foi feita dos microfones do plenário da Câmara. “Enquanto o Estado não tiver coragem de adotar a pena de morte, esses grupos de extermínio, no meu entender, são muito bem-vindos”, disse. Procurado pelo jornal, ele não quis se manifestar sobre a declaração. Ouça o áudio na reportagem.

Notícias relacionadas