Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro promete ‘medidas eficientes para segurança pública’

Cassia Miranda

O presidente Jair Bolsonaro parece não estar satisfeito com a repercussão da assinatura do decreto que facilita a posse de armas no País. Ele disse que há “muitas falácias sendo usadas a respeito da posse de armas”.  Nesta quinta-feira, 17, Bolsonaro escreveu: “Muitas falácias sendo usadas a respeito da posse de armas. A pior delas conclui que a iniciativa não resolve o problema da segurança pública. Ignorando o principal propósito, que é “iniciar ” o processo de assegurar o direito inviolável à legítima defesa”.

Em uma sequência de duas mensagens do Twitter na manhã desta quinta-feira, 17, Bolsonaro também disse que “medidas eficientes para segurança pública ainda serão tomadas e propostas”. O presidente ainda criticou “o abandono dos governos anteriores” e disse que não se pode resolver tudo em apenas 15 dias de governo.